No ano 2000, Jet Li lançou um de seus melhores filmes na minha opinião.

“ROMEU TEM QUE MORRER” apresentou uma história coerente e coreografias de lutas marciais bem bacanas.

Foi o primeiro longa em que vi a tecnologia sendo usada a favor dos golpes.

Quem joga ‘Mortal Kombat’, hoje em dia, nos consoles mais modernos vai saber do que estou falando. No filme cada ‘fatality’ que Romeu aplicava era mostrado como numa animação. O recurso mostrava o que acontecia no corpo do adversário.

Em resumo, o filme mostra duas famílias que unidas pela tradição, estão envolvidas em uma guerra brutal.

Gangues de asiáticos e de americanos negros estão disputando o controle da zona portuária de Oakland. Porém quando a primeira vítima é o filho do senhor da guerra da Ásia, a guerra das gangues torna-se mais perigosa do que qualquer um dos lados jamais imaginou.

Quem faz par com Jet Li é a cantora Aaliyah que acabou falecendo um ano depois num trágico acidente aéreo.

Vale a pena conferir!

#ficaadica